Print this page

Whatsapp e a justiça : quando o poder e a incompetência estão sentados na mesma cadeira

O caso whatsapp no Brasil é paradigmático , um juiz manda os operadores  de internet bloquear uma aplicação de mensagens porque a empresa dona da aplicação afirma não guardar as mensagens trocadas e portanto não possui essa informação em seu poder.

 

 

1- O pedido do juiz brasileiro equivale a pedir aos operadores telefónicos que gravem todas as chamadas efectuadas por todos os utilizadores de forma permanente, de facto uma aplicação de mensagens instantâneas não é uma publicação publica, como um blog ou um perfil numa rede social, são informações privadas que devem ser enviadas ao destinatário sem ser guardadas, tal como também ninguém espera que o seu telefone esteja permanentemente sob escuta assim as mensagens (whatsapp iMessage  sms entre outros) também não devem ser guardadas pelos prestadores de serviços.

 

2- A whatsapp empresa do universo facebook, diz não poder dar seguimento   ao pedido da justiça brasileira  ,  por não dispor desses  dados, a ser verdade , só demonstra respeito pelo utilizador, de facto a aplicação destina-se a permitir mensagens privadas entre utilizadores, o ser armazenamento seria de facto uma enorme falta de respeito por todos os seus clientes.

 

3- A proibição apenas vai afectar os mais descuidados, do ponto de vista técnico existem imensas formas de dar a volta a questão , sendo a mais simples a utilização de um software VPN que encaminhe o trafego via uma rede fora do Brasil através de um tunel encriptado.

A questão de fundo é mais profunda do que apenas este caso, nos últimos tempos , um pouco por todo o lado, sucedem-se os casos em que as agencias governamentais, procuram a todo o custo manter uma espécie de "BigBrother" vigiando tudo e todos. O caso que colocou frente a frente a apple e o FBI, a microsoft que processa o governo dos EUA por este aceder a dados dos seus utilizadores na cloud azure sem que os utilizadores sejam informados sobre tal, entre muitos outros demonstra esta apetência dos governos pelo controlo dos cidadãos.

Nq verdade esta "guerra" que opõe os estados à tecnologia ,  é uma guerra que os estados não podem ganhar, a whatsapp acaba de implementar criptografia end-to-end, o que significa que , mesmo o armazenamento das mensagens, as mesmas apenas podem ser abertas pelos dois intervenientes, para alem deste movimento da whatsapp, quem realmente quiser e tiver conhecimentos para tal, pode implementar com relativa facilidade um sistema de mensagens privado com criptografia end-to-end.

Talvez tenha chegado o momento da investigação criminal encontrar outras formas de desempenhar as suas funções sem precisar de colocar em risco a privacidade e liberdade de todos.

 

 

 

Rate this item
(0 votes)

Relacionados