A lei Interpol realizou um "jogo de guerra" para identificar um chantagista que utiliza bitcoin

A lei Interpol realizou  um "jogo de guerra" na semana passada  centrada em descobrir a identidade de um chantagista exigindo um resgate de mais de 4 milhões de USD em bitcoin.

 

Estiveram presentes no jogo 64  participantes de 26 países , de acordo com a Interpol, o jogo foi realizado ao longo de quatro dias, entre 21 e 24 de Março. As equipas receberam pontuação durante o jogo de guerra, ganhando pontos ao completar determinados objectivos e perdendo pontos quando cometeram erros ou pediram ajuda.

De acordo com a Interpol, o jogo de guerra esteve focado numa companhia de petróleo fictícia que está sendo chantageado por alguma entidade desconhecida ameaçando libertar segredos corporativos, a menos que sejam pagas  bitcoin.

Segundo a interpol as equipes envolvidas reuniram pistas através de entrevistas fictícias e análise forense de dispositivos electrónicos.

Participaram também uma série de startups do sector privado e fornecedores de tecnologia, alguns dos quais forneceram  as ferramentas utilizadas no exercício.

 

Fonte

Rate this item
(0 votes)
 

JornalBitcoin Newsletter

Bitcoin Videos